Esporte | NBA

Segunda-feira, 22 de Fevereiro de 2021

Virada histórica dos Pelicans sobre os Celtics tem cravada surreal, expulsão e prorrogação dramática

Em uma das maiores reviravoltas da temporada 2020-2021, o New Orleans Pelicans frustrou o torcedor do Boston Celtics. Vitória por 120 a 115, na prorrogação, e depois de estar 24 pontos atrás no placar. É a maior virada da história da franquia da Louisiana. Os grandes nomes do jogo foram Brandon Ingram (33 pontos, 6 rebotes e 3 assistências) e Zion Williamson (28 pontos e 10 rebotes).

Vale ressaltar também a participação de Josh Hart. Com uma postura defensiva agressiva, o ala-armador inflamou os companheiros e teve papel crucial na reviravolta. No Boston Celtics, Jayson Tatum se destacou com 32 pontos, 9 rebotes, 2 roubadas e um floater que levou o jogo para a prorrogação. Jaylen Brown também teve boa partida, com 25 pontos, 6 rebotes e 9 assistências.

Muito incisivo no garrafão, tendo Jayson Tatum e Jaylen Brown proativos, tirando proveito de 10 desperdícios de bola do adversário no primeiro tempo e explorando uma defesa frágil, o Boston não teve muito trabalho nos dois primeiros quartos, indo para o intervalo com um saldo de 16 pontos. Só que a defesa dos Pelicans (liderada por Hart, que teve 10 rebotes, 1 roubada e 3 tocos) acordou no segundo tempo, tirando toda a desvantagem e forçando a prorrogação.

Outro destaque da partida foi o pivô reserva dos Celtics, Robert Williams, com grandes enterradas. Em uma delas, levou o cotovelo à altura do aro. Confira no vídeo abaixo o lance espetacular do jogador, que está em seu terceiro ano na NBA. Nos Pelicans, já no segundo tempo, J.J. Redick jogou uma bola de forma acintosa para a arbitragem, levou uma segunda falta técnica e foi expulso.

Globo Esporte