Internacionais | Estratégia boa

Sexta-feira, 22 de Maio de 2020

Restaurantes da Lituânia recorrem a manequins 'elegantes' para manter distância entre clientes

Alguns usam chapéus, outros um véu preto. Todos muito elegantes e silenciosos aguardam a chegada dos clientes nos restaurantes e cafés de Vilnius, capital da Lituânia.

Sentados às mesas, a quatro metros de distância uma da outra, dezenas de manequins de vitrine estão lá não apenas para ajudar os clientes a manter as distâncias de segurança exigidas devido à pandemia de COVID-19, mas também para inspirá-los usando roupas com estilo.

Proprietários de restaurantes e lojas de roupa de Vilnius tomaram essa iniciativa de ajuda mútua após a flexibilização das medidas de contenção, que permitiu a reabertura de seus estabelecimentos.

No entanto, os clientes demoram a entrar. "De acordo com o regulamento, podemos servir uma mesa para dois, mas isso cria uma sensação de vazio no restaurante", explicou à AFP Bernie Ter Braak, proprietário do restaurante Cozy.

Segundo a estilista Diana Paukstyte, todos ganham. "Fico feliz que mais pessoas possam ver minhas roupas de ponta e também espero que os manequins atraiam mais clientes aos restaurantes. Nós os apoiamos e ele nos apoiam", explica.

Segundo o governo de Vilnius, mais de 60 manequins femininos e masculinos, vestidos por 19 lojas locais, ocuparão mesas em quinze restaurantes e cafés da capital lituana, 24 horas por dia.

G1