Esporte | UFC

Quarta-feira, 12 de Junho de 2019

Primeira defesa de cinturão de Jéssica Andrade no UFC será na China, contra Weili Zhang

O Ultimate definiu a primeira defesa de cinturão de Jéssica "Bate-Estaca" Andrade, e é uma surpresa geral. A brasileira, que conquistou recentemente o título do peso-palha (até 52,2kg), vai defender a cinta fora de casa, no UFC Shenzhen, na China, no dia 31 de agosto. A adversária será a chinesa Weili Zhang, sexta colocada do ranking peso-palha.

A notícia foi dada inicialmente pelo site "Espn.com" e confirmada pelo Combate.com junto a fontes com conhecimento da situação. A luta está acordada verbalmente, mas ainda não tem contratos assinados.

A marcação surpreende, porque Zhang é a sexta colocada no ranking e nem sequer era considerada no "radar" das potenciais desafiantes ao cinturão. A americana Tatiana Suarez, segunda do ranking, era a favorita, especialmente após vencer Nina Ansaroff no último sábado, no UFC 238. A americana Michelle Waterson, sétima do ranking, também vinha fazendo campanha pela oportunidade.

No entanto, a organização optou por Weili Zhang, uma chinesa de 29 anos que só perdeu em sua estreia no MMA, em 2013. Desde então, são 19 vitórias seguidas, incluindo três pelo UFC. Além disso, o presidente do UFC, Dana White, havia comentado que não queria apressar Suarez a lutar, devido a uma lesão no pescoço sofrida pela americana, e que Waterson ainda não havia feito o suficiente para receber a chance.

Jéssica Andrade, 27, conquistou o cinturão ao nocautear a então campeã Rose Namajunas no evento principal do UFC Rio 10, em maio passado. Após receber a chance de disputar o título em sua casa, ela "retorna o favor" e vai ao país da adversária para sua primeira defesa. Bate-Estaca conta 20 vitórias e seis derrotas na carreira, incluindo quatro triunfos consecutivos desde 2017.

COMBATE

COMPARTILHE

COMENTÁRIOS

Deixe seu comentário

* Ao enviar o comentário você aceita os termos de uso do site.