Internacionais | E agora?

Terça-feira, 15 de Setembro de 2020

Prefeita demite chefe da polícia de Rochester por considerar que caso Daniel Prude 'não foi levado a sério'

A prefeita de Rochester, no estado de Nova York, demitiu nesta segunda-feira (14) o chefe da polícia da cidade após considerar que as autoridades locais "não levaram a sério" o caso Daniel Prude — homem negro morto após ação policial em que teve um capuz colocado sobre sua cabeça.

Le'Ron Singletary já havia anunciado que se retiraria do cargo, na semana passada. Porém, a decisão da prefeita Lovely Warren o remove da chefia da polícia de vez, sem que ele complete o restante do mês na posição. Outros dois assessores da equipe da prefeitura foram suspensos sem pagamento de salário por 30 dias.

"Essa observação inicial mostrou o que muitos suspeitavam: temos um problema recorrente no Departamento de Polícia de Rochester", disse a prefeita em um pronunciamento.

"Mostra que a morte de Prude não foi levada a sério como deveria ter sido levada por aqueles que analisaram o caso em todos os níveis do governo da cidade", criticou Warren.

G1