Notícias da Região | Santa Helena

Quinta-feira, 13 de Setembro de 2018

5º LIRA apresenta redução no índice do mosquito Aedes aegypti em Santa Helena

A Secretaria Municipal de Saúde de Santa Helena divulgou nesta semana o resultado do 5º LIRA (Levantamento Rápido do Índice de Infestação por Aedes aegypti), realizado entre os dias 3 a 8 de setembro.

Conforme o levantamento, foram fiscalizados aproximadamente 463 imóveis, dois terrenos baldios e outros nove imóveis. O resultado do índice larval do mosquito Aedes aegypti transmissor da dengue, zica vírus e chikungunya, apresentou 2,4%, quando o preconizado pelo Ministério da Saúde é de apenas 1%.

No primeiro LIRA realizado em janeiro deste ano, o índice de infestação do mosquito da dengue em Santa Helena chegou em 15,3%, abrindo um sinal de emergência. Uma estratégia de trabalho foi montada pela Secretaria de Saúde para o combate ao Aedes aegypti no município. Mesmo com a baixa registrada no último levantamento, a população deve continuar colaborando com os trabalhos de prevenção do mosquito.

Segundo a responsável pelo Departamento de Vigilância em Saúde, Terezinha Bottega, o LIRA é realizado por amostragem, dentro de quadrantes dos bairros e centro.

Conforme a responsável, o maior índice de infestação do mosquito Aedes aegypti foram registrados no bairro Vila Rica, na área denominada Vila Rica 2 e no Centro, na região Centro 4 e pede-se que os moradores destas áreas intensifiquem os cuidados no combate ao mosquito da dengue.

De janeiro até setembro deste ano, foram feitas 51 notificações de pacientes com suspeita da doença, três casos de dengue foram confirmados, sendo dois autóctones e um importado. Durante os trabalhos, os agentes de endemias continuam encontrando focos do mosquito em locais como vasos de plantas, bebedouros de animais, vasilhas jogadas nos quintas e em pneus.

A Secretaria Municipal de Saúde de Santa Helena pede o apoio da comunidade para que realizem a limpeza de seus quintais e lotes, com o objetivo de reduzir o índice larval da dengue, pois não podemos ficar desatentos ao combate do mosquito Aedes aegypti.

Assessoria

COMPARTILHE

COMENTÁRIOS

Santahelenense - 13.09.2018 - 13:151
Grande trabalho da Marly Regina e Equipe, grandes profissionais sendo usados e respeitados como deveriam ser desde de sempre. Pulso firme com credibilidade.

Deixe seu comentário

* Ao enviar o comentário você aceita os termos de uso do site.