André Vinícius

20.11.2011

CARREIRA & NEGÓCIOS - EDIÇÃO 58

Atendimento: Organograma invertido – Empresas de sucesso colocam o cliente no topo do organograma. É ele quem dita as regras, dá as ordens e merece ser servido. Dentro da empresa não há nada mais importante do que a função do cliente.  De nada adianta o cargo de presidente, diretor, gerente ou supervisor, se eles não puderem servir ao cliente.


Marketing: Empresa de visionários – As informações que estão disponíveis hoje para o departamento de marketing não devem apenas servir ao momento atual, mas sim ao futuro. Antecipar os desejos do cliente faz parte do marketing visionário. Steve Jobs e a Apple sabiam fazer isso com maestria.

 

Vendas: Matriz de prospecção – Quando o cliente possui recursos e motivação, podemos identificá-lo como o cliente com maior potencial para comprar o produto. Se o cliente tiver motivação para a compra e poucos recursos, costumamos classificá-lo como prospect de potencial médio. Porém, se este não tiver motivação para a compra e nem tampouco recursos financeiros, não vale a pena perder tempo e energia na abordagem.

 

 Liderança: Primeiro as pessoas, depois os resultados – A essência da liderança consiste em priorizar as pessoas. Digo isto porque o resultado é conseqüência do trabalho que o líder desenvolve com seus liderados. Se a equipe tem um líder que se importa com o crescimento de cada um, os resultados tendem a acontecem.

 

Empreendedorismo: Plano B – Fazer o plano de negócios é requisito mínimo para quem deseja ter sucesso empreendendo. Além do plano de negócios, se faz necessário ter um plano B para cada uma das etapas. Se algo falhar você terá uma opção para que as coisas continuem funcionando. Exemplo: Você deseja captar recursos do banco. E se isto falhar, qual é o plano B?

ant

Recursos Humanos: Envolva as pessoas – Envolver as pessoas é uma excelente estratégia para aproximar os colaboradores da empresa. As pessoas gostam de participar. Elas querem se sentir importantes no crescimento da organização. Quanto mais estiverem envolvidas com o crescimento da empresa, mais estarão felizes em fazer parte da organização.


Carreira: Filtros e resultados – Quando você passa por momentos positivos ou negativos em sua carreira, seu cérebro capta essas informações e cria filtros que influenciam no seu desempenho em outras situações. Experiências positivas fazem com que o cérebro libere mais recursos para você obter êxito. Experiências negativas bloqueiam o cérebro e tudo tende a dar errado.


Mais conteúdo
: Quer saber mais? Artigos sobre técnicas, estratégias, gestão de vendas, dicas de vendas, atendimento e relacionamento com o cliente, marketing digital e muito mais você encontra em www.andrevinicius.com

 

André Vinicíus é professor universitário, consultor e palestrante de vendas com expertise em marketing digital e desenvolvimento pessoal. Possui MBA em Gestão de Pessoas e certificação de qualidade em vendas VendaMais. É autor de dois livros na área de negócios. Colunista das principais mídias impressas e eletrônicas do país na área de negócios. Acesse www.andrevinicius.com. Siga-o no Twitter: @professorandre. E-mail: andre@andrevinicius.com

 

 

 

André Vinícius